Cloro granulado e algicida: o que é e para que serve?

Cloro granulado e algicida: o que é e para que serve?

O cloro granulado e o algicida são dois dos principais produtos utilizados para manter a água da piscina sempre limpa e pronta para o banho. Mas muitos ainda têm dúvidas sobre como essas substâncias agem e como devem ser aplicadas.

Por conta disso, preparamos este post para explicar para você a função desses produtos, por que são importantes para o tratamento preventivo de piscinas e como você pode aplicá-los da forma correta. Ficou interessado? Então acompanhe! 

O que é o cloro granulado?

O cloro granulado é um desinfetante específico e restrito para uso em piscinas. Sua ação bactericida ajuda a eliminar da água germes, bactérias e outros microrganismos nocivos à nossa saúde.

Além disso, ele também auxilia no processo de clareamento da água, deixando a piscina mais cristalina. Isso, além de trazer beleza para o ambiente por conta da translucidez do líquido, faz com que tudo fique higienizado de maneira correta.

Qual a diferença do cloro granulado para o cloro comum?

O cloro granulado se difere um pouco da forma líquida normal e apresenta algumas vantagens. Por exemplo, o comum, apesar de ser mais fácil de diluir na água, possui um teor do componente ativo menor (12%) e é mais volátil, ou seja, evapora com maior facilidade.

Portanto, o cloro comum não pode ser usado em piscinas, já que a concentração baixa faz com que ele seja consumido mais rapidamente. Assim, ao ser lançado no tanque, não é capaz de desinfetar e agir de maneira eficaz como a forma granulada.

Este, por sua vez, é composto de 60% de cloro ativo. Sua formula é à base de um estabilizante chamado dicloroisocianurato de sódio, que não é volátil. Dessa forma, o produto fica mais tempo ativo na piscina, desinfetando a água de forma mais eficaz.

O uso do cloro granulado é importante já que a queda de folhagens na água da piscina leva bactérias e fungos para o ambiente, sem falar nos banhistas, que também carregarem consigo microrganismos que poluem o local.

Como complemento ao tratamento com o cloro granulado, temos o algicida, do qual falaremos agora.

O que é o algicida?

Como o nome sugere, o algicida é um produto que impede a proliferação de algas nas piscinas. Esses organismos são os causadores do aspecto turvo e esverdeado de águas sujas, deixando-a imprópria para o banho. Além disso, as superfícies do local ficam escorregadias, o que representa um grande risco de acidentes para os banhistas, principalmente para as crianças.

Para combater esse problema, existem dois tipos de algicidas disponíveis no mercado:

  • algicida de manutenção: é um produto mais fraco, usado para prevenir a proliferação de algas nas piscinas;
  • algicida de choque: é mais forte, usado para eliminar todas as algas que já estão presentes e acumuladas no ambiente.

A marca mais recomendada do mercado, tanto para o cloro, quanto para o algicida, é a Ultraclor.

Como o algicida deve ser usado?

Devem ser aplicados 6 ml de algicida para cada mil litros de água, tanto para manutenção da piscina, quanto na função de choque. Após a aplicação, o filtro deve ser ligado por cerca de 1 hora, para fazer a água circular e reter as impurezas. A limpeza pode ser finalizada com a aspiração para recolher as algas depositadas no fundo.

O algicida de manutenção deve ser aplicado apenas uma vez por semana, e o algicida de choque deve ser usado somente se a piscina esverdear, ou seja, se for constatada a presença significativa de algas. Nesse último caso, é importante escovar as paredes e o fundo da piscina para desgrudar as algas das superfícies.

 

Como fazer a aplicação do cloro granulado?

Em relação ao cloro granulado, devem ser aplicados 4 g para cada mil litros de água. Como a dosagem pode variar conforme a marca, vale dar uma olhada nas orientações do fabricante para garantir um tratamento eficaz. Após a aplicação do componente, ligue o filtro por cerca de 2 horas, a fim de que o produto se espalhe de modo homogêneo por toda a piscina.

A princípio, a cloração da água deve ser feita diariamente para garantir que a quantidade do componente não fique abaixo de 1 ppm. Abaixo desse nível, o produto não tem nenhum efeito, permitindo a proliferação de microrganismos.

No entanto, outros fatores podem influenciar a frequência de aplicação do cloro, tais como:

  • época do ano (intensidade de chuvas e temperatura);
  • vegetação em torno da piscina;
  • frequência de uso;
  • reposição de água.

Assim, o ideal é utilizar um kit de testes para analisar a água: o teor de cloro livre deve estar entre 1 e 3 ppm. Abaixo disso, o produto deve ser aplicado.

Que cuidados ter na aplicação desses produtos?

É importante ressaltar que o cloro granulado e o algicida devem ser aplicados na piscina sempre em dias diferentes, nunca sendo misturados no mesmo dia. Isso porque, se o algicida for a base de cobre e aplicado em conjunto com o cloro, a água pode adquirir coloração escura — esverdeada ou marrom.

Além disso, o componente deve sempre ser diluído em um balde plástico com a própria água da piscina para depois ser aplicado no tanque. A aplicação do cloro granulado, por exemplo, se feita diretamente, pode fazer com que resíduos se depositem no fundo e acabem manchando os revestimentos de vinil ou fibra.

Lembre-se também de que o cloro é um produto químico. Então cuidado ao manuseá-lo. Se necessário, use luvas e outros equipamentos de proteção, como óculos e máscaras.

Por que eles são importantes para o tratamento preventivo de piscinas?

O cloro granulado e o algicida são produtos auxiliares que ajudam no tratamento final da piscina. Eles garantem que a água tenha uma boa qualidade e que esteja sempre cristalina, livre de impurezas e saudável para o uso.

Além de evitar que a piscina fique suja, com a cor escura e de uso impraticável, a utilização desses produtos também ajuda a evitar doenças para os banhistas que frequentam esses locais. Entre as mais comuns, estão:

  • otite;
  • micose;
  • cólera;
  • hepatite;
  • doenças transmitidas pela proliferação do mosquito Aedes Aegypti, como a dengue.

O cloro granulado e o algicida, quando aplicados da forma correta, são muito eficientes para garantir uma piscina limpa de água cristalina. Dessa forma, basta seguir as dicas que viu neste post para garantir que todos os benefícios sejam aproveitados em sua área de lazer.

Além desses produtos, existem acessórios que vão auxiliar você no tratamento da água. Para descobrir, confira agora mesmo o nosso post sobre os equipamentos fundamentais para a limpeza da piscina!




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *